o sniper esmiúça o sócrates

este blog não gosta do sócrates

emails para nakedsniper@gmail.com

18 julho 2008

Be careful with what you wish for, you might just get it

"And if a double-decker bus
Crashes into us
To die by your side
Is such a heavenly way to die.

And if a ten-ton truck
Kills the both of us
To die by your side
Well, the pleasure - the privilege is mine"

in "There is a light that never goes out", by The Smiths

Ao chatearem-me o juízo com esta música, dei por mim a pensar na forma como gostaria de morrer. Não cheguei a conclusão nenhuma.

Por um lado, não tenho medo nenhum da morte. É certo que ainda há muito para viver. Mas também já vivi muito, pelo que não morreria com aquele sentimento de angústia.

Por outro lado, também não tenho pressa de morrer. Embora já tenha visto muita coisa, ainda não vi tudo. E há muito para ver [e fazer, caralho, e fazer].

Outra coisa que sei é que não quereria chegar ao ponto de ser um peso para os outros. 100% a favor da [minha] eutanásia, se for o caso. Vegetar e dar pena às pessoas [para mim] não é viver.

E vocês, como querem morrer?


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

14 Comments:

At 6:13 da tarde, Blogger ana... said...

velha, [mais]feia e fedorenta nos braços do meu amor.

smiths eu tinha de comentar.

 
At 6:15 da tarde, Blogger caos da teoria said...

não quero morrer. Se tiver mesmo de ser, quero que seja a dormir. Ninguém morre a sério enquanto for lembrança de alguém. O meu avó? não morreu. Penso nele todos os dias. Está cá. Na alma.

 
At 6:19 da tarde, Blogger naked sniper said...

ana,

e o teu amor concorda com isso?

 
At 6:19 da tarde, Blogger naked sniper said...

caos,

já eu, por acaso, não penso no teu avô todos os dias

 
At 6:24 da tarde, Blogger caos da teoria said...

(com essas respostas, ninguém irá pensar em ti..)

 
At 12:08 da manhã, Blogger Bird said...

Nunca me questionei sobre tal.
Outras coisas têm ocupado os meus pensamentos.
Mas agora deixaste-me a pensar...só que sinceramente...nem sei. Quando for, é. De preferência que seja rápido e sem sofrimento.


P.S: Que raio de pensamentos gajo!!
Nem parecem coisas tuas!

 
At 8:34 da manhã, Blogger naked sniper said...

caos,

agora fiquei triste

 
At 8:35 da manhã, Blogger naked sniper said...

bird,

é isso

 
At 12:37 da tarde, Blogger franksy! [panda bear] said...

também eu gostava de ter uma morte indolor. só nesse aspecto a minha morte me assusta. de resto, só a morte dos outros me importuna. quando eu for, fui.

de qualquer forma, acho romântico morrer ao teu lado com um autocarro de dois andares [tipicamente londrino] a espetar-se contra nós!

;)

 
At 12:38 da tarde, Blogger franksy! [panda bear] said...

aliás, morrer sobre uma letra de morrissey e/ou smiths, será sempre uma adorável maneira de morrer!

 
At 2:39 da tarde, Blogger naked sniper said...

franksy,

não largues os estupefacientes, não...

 
At 9:44 da manhã, Blogger naked sniper said...

[comentário técnico]

 
At 5:02 da tarde, Blogger cipereira said...

"Outra coisa que sei é que não quereria chegar ao ponto de ser um peso para os outros. 100% a favor da [minha] eutanásia, se for o caso. Vegetar e dar pena às pessoas [para mim] não é viver."

Subscrevo e acrescento que se for enquanto durmo, tanto melhor!

 
At 5:33 da tarde, Blogger naked sniper said...

se fosse eu a ti, passava a dormir com 1 olho aberto

 

Enviar um comentário

<< Home