o sniper esmiúça o sócrates

este blog não gosta do sócrates

emails para nakedsniper@gmail.com

09 setembro 2008

Anedota do dia

Batem-me à porta do gabinete.

Abro e dou com um senhor que me diz:
- Boas tardes, eu sou de Perafita e estou aqui pera te lixar

Interpelo eu:
- Pera quê??

Responde ele:
- P E R A F I T A!!


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

14 Comments:

At 12:52 da manhã, Blogger Maria Cardeal said...

Estranha anedota!
Ainda bem que já é de ontem.

 
At 12:53 da manhã, Blogger Maria Cardeal said...

Ou eu não vejo filmes indianos.

 
At 2:26 da tarde, Blogger naked sniper said...

as melhores anedotas são aquelas que são verdade...

 
At 2:26 da tarde, Blogger naked sniper said...

(comentário técnico)

 
At 5:37 da tarde, Blogger Sonja said...

Conheço esta anedota mas versão Paraguaio.

Muito boa!

Sonja

 
At 6:01 da tarde, Blogger trintona said...

e eu ainda gosto mais duma versão antiga que envolve uruguaios. :P

 
At 6:03 da tarde, Blogger naked sniper said...

sonja,

essa é uma anedota muito boa

 
At 6:03 da tarde, Blogger naked sniper said...

trintona,

essa é uma anedota muito à frente

 
At 1:50 da tarde, Blogger S said...

naked, esta anedota é extremamente seca.

 
At 2:01 da tarde, Blogger trintinha said...

Gosto muito mais da versão da Trintona!!!!

 
At 3:14 da tarde, Blogger Sonja said...

Não percebi se estavas a ser irónico... mas se me permitis, conta-la-ei aqui mesmo:

- Hola! Soy paraguaio y vengo para joder tu hija!
- Para qué?!
- Paraguaio!

Se não permitis, apagai o comentário.

Sonja

 
At 4:13 da tarde, Blogger naked sniper said...

s,

é um pouco private, admito

se soubesses da estória, até rebolavas pelo chão a rir

 
At 4:14 da tarde, Blogger naked sniper said...

trintinha,

todos gostamos muito da versão da trintona

 
At 4:15 da tarde, Blogger naked sniper said...

sonja,

eu conhecia "para te matar", não para "joder to hija"

a versão do uruguaio é o resultado de um "lapsus linguae" que ficou na história

 

Enviar um comentário

<< Home